terça-feira, 13 de setembro de 2016

Arte da IV Sacerdotisa: Criações em resina vítrea com elementos da natureza!

Neste post vou falar um pouco de meus recentes experimentos com arte em resina vítrea!
Sempre fui ligada a elementos telúricos, e sempre quis levar comigo tais elementos. Não é à toa que desde pequena levo folhas, pedras, porção de areia nos bolsos, cato galhinhos e penas que acho pelo caminho, como uma colecionadora de pequenos tesouros. Uma junção de meu lado mulher da natureza, bióloga e admiradora do que é belo.
Ao conhecer a resina, senti nesse material uma oportunidade de "cristalizar" meus pequenos tesouros, e aqui neste post vou mostrar algumas das primeiras peças que tenho feito.


Aqui algumas parte do processo:

Coleta de material na natureza

seleção e preparação do processo

Aqui os resultados, peças que serão pingentes de colares, chaveiros, etc:

VENDIDA
VENDIDA
 VENDIDA
 VENDIDA




DISPONÍVEL
DISPONÍVEL
DISPONÍVEL
DISPONÍVEL
VENDIDA
VENDIDA
VENDIDA
DISPONÍVEL
DISPONÍVEL




INDISPONÍVEL


VENDIDA
DISPONÍVEL
DISPONÍVEL
VENDIDA
DISPONÍVEL


VENDIDA
VENDIDA
VENDIDA
VENDIDA
  Taraxacum officinale VENDIDA
VENDIDA
 AS CORRENTES TEM 60 cm FICAM NESSA ALTURA
 ROSA NATURAL, DISPONÍVEL

 EMBALAGEM



 MINHA AJUDANTE LINDA 
 Flor em camafeu DISPONÍVEL


 DISPONÍVEL



PEÇAS FINALIZADAS EM 15/09

Além dos experimentos e criações em resina vítrea, faço colares a partir de peças que vou comprando pela internet, de acordo com meu gosto e olhar conectado a gaia. São peças com flores também, mas pingentes em vidro e outros temas (já disponíveis na loja):


DISPONÍVEL

VENDIDA
VENDIDA

DISPONÍVEL

DISPONÍVEL

DISPONÍVEL


DISPONÍVEL



DISPONÍVEL

DISPONÍVEL

DISPONÍVEL

DISPONÍVEL



Esses estão disponíveis na loja http://www.elo7.com.br/colares-de-sacerdotisa/al/9AF63 os em resina, logo estarão disponíveis, mas quem quiser ir encomendando é só falar comigo: danbiologa@gmail.com

Dúvidas Frequentes:

-As peças devem ser limpas com um pano de algodão, evitando riscar a superfície.
-Não se recomenda a utilização de álcool para a limpeza das peças, o álcool resseca a resina e com isso pode quebrar-se facilmente.
-Não armazenar as peças em local com exposição ao sol nem chuva.
-O material que está contido na resina (flores, galhos, folhas, etc) não se deterioram, a não ser que a resina seja danificada/perfurada.
- Não deixar a peça em contato com a água, álcool, e outros líquidos.
- Todos os bichos (borboletas, besouros, etc.) utilizados na resina já foram encontrados sem vida, não matamos nenhum ser para utilizar nas peças! As flores e folhas são coletadas em podas e encontradas na natureza, pelo chão.
- A vida útil das peças tem validade indeterminada, podendo ter grande durabilidade no seguimento das recomendações citadas.


Me perguntaram sobre qual material dos cordões que uso para compor os colares em resina. As correntes são bijouteria mesmo, não é folheado nem nada, pois o forte são os pingentes em resina que eu faço. Uso essas correntes simples para não encarecer as peças, quem tiver corrente em ouro ou prata pode usar com os pingentes.

Novas peças feitas em 19/09:



As peças são únicas e vão sendo reservadas/vendidas por ordem de pedido. É uma arte feita com amor e carinho com preços justos, e espero que traga boas energias a quem estiver com elas.
Post atualizado em 19/09
Espero que tenham gostado!!